Consertando o botão home do iPhone, fácil fácil

9, maio, 2013 Sem comentários

Um dos principais sinais – se não o maior – de idade de um iPhone é a falha no Home button, também conhecido como botão Início, como proprietário de iPhone, eu não poderia fugir à regra das dores de cabeças com o bendito problema no botão.

Tenho dois iPhones, um 3G e um 4, no primeiro o problema ficou tão grave que praticamente parou de funcionar, tive que fazer jailbreak e instalar um app para que ao balançar o aparelho fosse simulado o apertar do botão Home, já o iPhone 4 não estava tão grave, mas com uma pressionada mais leve o botão não respondia ao comando.

Depois de muito pesquisar, achei uma dica de ouro de como recuperar o botão Home, o processo é muito fácil (se fosse um pouco mais fácil se chamava piriguete :P), então segue o passo a passo de como dar vida nova a seu iDevice velho de guerra.

Vale ressaltar antes de tudo que esse método não é 100% garantido, apesar de ter dado certo e não apresentar nenhum problema nos meus aparelhos, cada caso é um caso, então se for tentar vá por conta e risco, pois NÃO me responsabilizo por eventuais problemas:

  • Desligue seu aparelho antes de tudo, mas desligue mesmo, NÃO deixe em stand by
  • Coloque um pouco de álcool em um copo ou na tampa do frasco
  • Molhe seu dedo no álcool
  • Coloque um pingo, APENAS um pingo sobre o botão Home
  • Aperte o botão cerca de 20 vezes
  • Seque o álcool que restou sobre o botão com papel higiênico
  • Aperte o botão mais umas 10 vezes
  • Seque o álcool que possa ter restado
  • Espere alguns minutos e ligue o iPhone

Se tudo ocorreu bem, o botão do seu iPhone deve ter ficado como novo ou ao menos mais sensível, caso contrário recomendo que você tente o passo a passo novamente, mas colocando DOIS pingos sobre o botão, pois o botão do meu iPhone 4 só melhorou desse modo.

Caso não tenha tido progresso, infelizmente deve ser um problema mais grave e provavelmente exija manutenção.

Categories: hardware Tags:

Como conheci Steve

6, outubro, 2011 2 comentários

A primeira vez que ouvi falar em Macintosh foi no final dos anos 90, naquele filme bacaninha “Cheque em Branco“, onde o guri se apropria do nome do computador da Apple para se passar por um magnata e curtir a vida adoidado, antes disso nem imaginaria do que se tratava esse tal Mac, afinal naquela época computadores eram inacessíveis – ainda mais os da Apple – para a classe média da região onde moro.

Passam se os anos e a febre dos celulares invade o Brasil, lembro de vários colegas comprando seus primeiros telefones móveis e delirando com tela monocromática e teclado numérico, pessoalmente não achava graça e nem tinha necessidade de possuir um, mais alguns anos se passam e eu era uma das poucas pessoas que não possuía um celular, continuava achando complicado, sem recursos e desnecessário, até cheguei a postar algo sobre.

Lá pelos idos de 2007 crescia o zunzunzum (rumor é muito 2011 :P) que um tal de Steve Jobs, que dominava o mercado de música digital com seu iPod, estava prestes a anunciar um smartphone, pouco me interessei pelo fato, logo imaginando que seguiria a tendência complicada do mercado de “celulares espertos”, ingenuidade minha.

A Apple apresentava o tão falado iPhone, eu que odiava (essa palavra expressa bem o sentimento) celulares comecei a notar algo diferente, quanto mais informações eu recebia sobre o bendito smartphone, mais eu notava que aquele brinquedo mudava tudo, o desejo de comprar aumentava, um ano depois chegava minha encomenda, um iPhone “2G”, foi paixão a primeira vista, ou melhor, no primeiro toque.

De lá pra cá comprei um iPhone 3G, um iPad (onde estou digitando esse texto) e mais recentemente o iPhone 4, nunca tive um Mac, mas já me diverti com hackintosh, acabei entrando de cabeça no mundo da maçã, hoje muitos amigos me consideram um fanboy da Apple, no fundo eu sei que sou, enfim não há como não admirar uma empresa que busca excelência, perfeição e ousadia, não há como deixar de admirar seu criador e a pessoa em que a Apple foi criada à imagem e semelhança, Steve Jobs.

Até uma outra vida, brother.

20111006-205052.jpg

Categories: pessoal Tags: ,

Qual causa, motivo, razão e circunstancia para o blog estar parado?

15, maio, 2011 Sem comentários

Lá se vão quase dois meses sem nenhum post aqui no NoveBytes. Falta assunto? Não. Falta inspiração? Talvez. Falta tempo? Com certeza.

Fato é que 2011 começou bem agitado pra mim, tirei ferias mas acabei trabalhando dobrado, a única coisa que salvou foi uma semana na Campus Party – fiquei devendo um post sobre o evento.

Mas pensei que seria só o inicio do ano, ledo engano, no final das contas me chamaram para um serviço com contrato para prestar manutenção em computadores e rede, somando ao meu emprego efetivo e aos bicos/freelas que sempre aparecem, ainda gravo e edito o podcast quinzenal PapoVirtua, meu tempo acabou drenado.

Não que meu tempo livre não exista mais, mas com uma jornada desta, quando sobra um tempo e não estou moído, simplesmente não tenho animo para blogar, acabo vendo uma serie, um filme, escutando casts, jogando, ou indo nos raros eventos sociais.

Até tenho algumas novidades na manga para postar, uma delas é que há dois meses comprei um iPad, de primeira geração, alias estou escrevendo este post nele.

Enfim, se você acompanha o Nove há anos – este ano ele completará 5 anos – não abandone, pode ser que apareçam alguns posts interessantes por aqui, porém não espere uma grande regularidade, pois cada vez mais Chronos me golpeia.

Categories: pessoal Tags: ,

Configurando modem ADSL para Speedy Negócios

20, março, 2011 Sem comentários

Dias atrás entrei em altas confusões ™ quando foi fazer um freela, tive que reconfigurar um modem ADSL para ser usado com o que a Telefônica chama de Speedy Negócios, o plano empresarial banda-larga da empresa com IP fixo.

Pois bem, nesse plano não há necessidade de usar usuário e senha de um provedor whatever para autenticar, contudo há uma configuração especifica que deve ser realizada ao rotear o modem. Como achei pouquíssimas dicas na grande rede de como proceder com a configuração, vou deixar registrado aqui como obter as informações e configurar o aparelho.

O primeiro passo é contatar o call center da Telefonica para obter os IPs e mascaras de rede, recomendo que antes de ligar, caso siga alguma religião e/ou crê num ser maior não excite em rezar/orar/fazer trabaiô, se não for seu caso pelo menos tome um suco de maracujá, pois enfrentar os atendentes da Teleroubonica empresa espanhola é um verdadeiro martírio.

Se der muita sorte você pode ser atendido por um profissional informado e disposto que pode passar a configuração do modem passo-a-passo, mas é infinitamente mais provável que você seja atendido por um vassalo mal informado que dirá “não podemos passar essa informação por telefone” e depois de muita insistência diz que vai consultar o supervisor – deve ir tomar um café, isso sim – e volta com a mesma resposta.

Você terá que solicitar IP, mascara e gateway da LAN e os mesmo da WAN, não pense que vai conseguir os dados na primeira ligação – se conseguir corre fazer um jogo da sena.

Neste exemplo vou considerar que obtive os seguintes dados:

 

WAN

IP: 192.168.123.45

Mascara: 255.255.255.0

Gateway: 192.168.123.1

 

LAN

IP: 200.123.45.67

Mascara: 255.255.255.0

Gateway: 200.123.45.12

 

Antes de começar a configurar recomendo que reset o modem para que ele retorne com as configurações de fábrica, pressionando com um clipes por alguns segundos o pequeno botão atrás do aparelho.

Como exemplo, simularei a configuração do modem DLink 500B, para acessar este aparelho basta abrir no navegador o endereço 10.1.1.1, entrando com o login admin e senha admin.

O primeiro passo é ir na barra lateral esquerda na opção Advance Setup,  no submenu WAN  remover da tabela os dois itens logo abaixo de Wide Area Networ (WAN) Setup.

modem1

Após remove-los, basta adicionar a nova configuração em Add, em ATM PVC Configuration deve ser colocado no campo VPI o valor 8 e VCI 35, em seguida clicar em Next.

Em Connection Type deve ser selecionado IP over ATM (IPoA) e Encapsulation Mode selecionar LLC/SNAP-ROUTING, dê Next mais uma vez.

Na tela WAN IP Settings os campos serão preenchidos com base nos dados da WAN obtidos da operadora, neste exemplo colocarei em WAN IP Adress 192.168.123.45, em seguida em WAN Subnet Mask a mascara 255.255.255.0, feito isso será selecionada a opção Use the following default gateway e colocado em Use IP Address o IP do gateway 192.168.123.1, nos campos de DNS você poderá usar o de sua preferencia, eu costumo usar 208.67.220.220 e 208.67.222.222.

Feito o processo acima basta clicar em Next duas vezes até chegar na tela WAN Setup – Summary, onde basta pressionar o botão Save.

Pra finalizar a configuração basta ir no submenu LAN na lateral esquerda e em Local Area Network (LAN) Setup também preencher os IPs e mascara obtidos da Telefonica, neste exemplo colocarei em IP Address o endereço 200.123.45.12, em Subnet Mask a mascara 255.255.255.0, deverá ser selecionada a opção Enable DHCP Server e os campos Start IP Address e End IP Address  preenchidos com o IP 200.123.45.67.

Feito isso basta clicar em Save e em seguida Save/Reboot, esperar o roteador reiniciar e voilà, a internet estará funcionando, caso tudo esteja configurado corretamente.

Review: HD Media Center HP-3100H by DealExtreme

8, janeiro, 2011 10 comentários

Meu sonho sempre foi ter um DVD player com entrada USB, nem precisaria ler os formatos de vídeo mais variados, um arroz com feijão (MPEG, VOB) já quebraria um galhão, porém minha família em uma de suas idas à cidade vizinha resolveu comprar um player sem me consultar, adquiriram um da Sony que somente lê VOB, nem arquivos MPEG o bicho lê.

Resultado disso que abandonei o sonho e resolvi conviver com o DVD player tinhoso, toda vez que queria assistir uma série ou filme baixado tinha que converter pra VOB e gravar no DVD-RW, um processo que demorava ~30min, na maioria das vezes não tinha paciência de esperar o processo, assistia no PC ou nem assistia.

Até que resolvi me presentear com um Media Center da DealExtreme, achei este aqui por um preço bem em conta, cerca de 20 dias depois recebi o precioso em minha casa, coincidência ou não na véspera do Natal, estou usando o bichinho faz duas semanas, o primeiro efeito foi que meu consumo de filmes e séries deu uma bela guinada.

O Media Center tem uma entrada USB que permite conectar um pendrive ou HD externo, também possui uma entrada leitora de cartão SD, toca formatos de vídeo com resolução de 720p, ou seja, HD mas não chega ser full HD, mas pouco importa pra mim que ainda uso uma TV CRT 29”.

Ele suporta vídeos (RMVB, AVI, MPEG), áudio (MP3, WMA), imagens (JPG, BMP, GIF) e texto, contudo não suporta outros formatos populares como MOV e MKV.

O que surpreende ao ver o aparelho é sua proporção, o Media Center é bem compacto, cabendo em qualquer espaço da rack/estante, a interface do firmware também é bem fácil de utilizar, mas tem seus contras, um deles é a legenda, quando é colocado um vídeo com legenda em arquivo separado ele não exibe corretamente caracteres comuns do português (ç, ã, é, etc), além de exibir um espaço exagerado quando a legenda possui duas linhas, pra solucionar este problema estou usando o AVIAddXSubs, programa que incorpora a legenda ao vídeo em menos de 2 minutos.

Um ponto fraco do dispositivo é o controle remoto, que não funciona em uma distância média e as vezes inverte os comandos, exemplo, ao pressionar o botão para direita o selecionador vai pra esquerda.

Outro coisa que ocorre algumas vezes é que o aparelho perde as configurações, é necessário reconfigurar o idioma e o formato da TV.

Enfim, este Media Center não é perfeito, assim como todos os produtos xing-ling da mãe China, mas cumpre seu papel como player básico, basta baixar o filme, jogar para o pendrive e correr pra TV.

 

HD Media CenterHD Media CenterInterface

Prós

  • Dispositivo pequeno, cabe em qualquer canto da estante
  • Preço em conta, US$ 27 ou ~ R$ 45
  • Lê a maioria dos formatos populares

 

Contras

  • Controle remoto falha ou simplesmente não funciona em distância médias
  • Legendas não exibem alguns caracteres do português e deixa um espaço grande entre as linhas
Categories: hardware Tags: ,